Secovi­SP lança cartilha para esclarecer comprador de imóvel

Cartilha da Compra Consciente traz respostas e dicas essenciais para quem vai adquirir o primeiro imóvel
ou trocar de moradia
28/11/2012
Pesquisa e muito diálogo são essenciais para quem vai comprar um imóvel
e não quer dificuldades. Conhecimento do mercado imobiliário também é
fundamental e por estas razões o Secovi­SP, sob a coordenação de sua
vice­presidência de Habitação Econômica, elaborou a Cartilha da Compra
Consciente, lançada dia 27/11.
As mudanças estruturais na economia brasileira, o alto índice de pessoas
empregadas formalmente, o aumento da renda das famílias, com a entrada
de mais pessoas para a classe média, refletem­se no mercado imobiliário,
que apresenta um crescimento sustentado há vários anos.
Nesse novo contexto, a aquisição de um imóvel, seja na planta, pronto ou
usado, requer do interessado muita pesquisa, visitas a inúmeros estandes
de vendas, comparação e diálogo com parentes e amigos e,
especialmente, a consultoria de um corretor. “Este é o ato mais importante
da vida patrimonial, especialmente para os mais jovens. Portanto, o
conhecimento básico do mercado imobiliário é importante para a compra
de um imóvel de maneira segura”, ressaltou Flávio Prando, vice­presidente
de Habitação Econômica do Secovi­SP durante o evento.
Prando detalhou cada um dos capítulos da Cartilha da Compra Consciente, cujo conteúdo foi elaborado com o uso de linguagem
coloquial, em formato de perguntas e respostas, o que permite rápida leitura e fácil entendimento. “Ela não é extensa nem
complexa, e vai ajudar o comprador a conhecer os seus direitos e deveres”, completou o dirigente.
Dúvidas de balcão – O vice­presidente explicou que a Cartilha foi fruto de um trabalho cuidadoso de empresas e colaboradores
do Sindicato, com o objetivo de esclarecer e agrupar as principais dúvidas registradas nos estandes de vendas. “A falta de
conhecimento gera conflitos, que podem acabar no Judiciário. Pretendemos, com esse trabalho, auxiliar as pessoas a
comprarem o imóvel com cuidado e consciência”, enfatizou Flávio Prando.
O Secovi­SP alerta que não se deve adquirir uma unidade habitacional por impulso e, antes de tudo, é preciso fazer as contas e
ver se as prestações do financiamento cabem no bolso. “Recomendamos para que não se compre na primeira visita ao imóvel e
que o cliente conte, sempre, com o apoio do corretor credenciado, que atua nos plantões de vendas para atender esse
comprador em todos os sentidos”, orientou Prando.
A Cartilha da Compra Consciente traz dicas valiosas, como: veja se o imóvel de interesse atende às suas necessidades de
moradia; em condomínios residenciais há o rateio de despesas entre os moradores; e no momento de receber as chaves existem
despesas cartoriais e com a prefeitura. “O importante é não ter pressa, porque, na média, o brasileiro compra dois imóveis
durante a vida. Esse motivo já é suficiente para cautela”, destacou Prando.
O superintendente Institucional da Caixa, Paulo Galli, que prestigiou o evento, disse que a publicação é uma ferramenta valiosa
para o mercado consumidor de imóveis. “O Secovi está á frente do tempo e comprova, com o lançamento desta Cartilha, a
sustentabilidade do setor.”
Durante o evento, o presidente do Sindicato, Claudio Bernardes, fez esclarecedora palestra sobre as condições atuais do
segmento e apresentou argumentos contra as especulações acerca da formação de “bolha imobiliária”. “O Brasil tem grande
demanda, o que afasta essa possibilidade. Sem contar que há significativas diferenças entre os ambientes econômicos e sociais
de Brasil e Estados Unidos”, disse e completou: “os baixos índices de inadimplência nos contratos de financiamento reforçam a
tese de que as coisas vão muito bem no mercado imobiliário”.
Consulte a Cartilha da Compra Consciente e a palestra “Bolha Imobiliária ou Novo Patamar de Preços?”, do presidente
Claudio Bernardes.